Encaixes de Madeira


 

                               

 

O Processo inclui:

Escolha da madeira, técnicas de marcação, uso correto da ferramentas, técnicas de corte e entalhe, criação de gabarito para Rabo de andorinha, montagem de uma peça com os 4 encaixes, aplicação prática e tipos de aplicação.

 

São 4 tipos de encaixes:
 

Meia Madeira – é uma técnica para unir duas peças de madeira através do seu corte e sobreposição. Bastante usada em construção, armação de mobiliário e peças decorativas. São rápidas de executar, oferecem boa resistência estrutural.
 

Furo/Espiga – também destinada à unir peças. Existem inúmeras formas de executar a técnica, no entanto o princípio básico é de que a extremidade de uma das peças de madeira encaixe num furo realizado noutra peça. O encaixe pode ser depois colado, cravado ou aparafusado, de modo a aumentar sua resistência.
 

Rabo de andorinha – técnica é notável sobretudo pela sua resistência. O encaixe de cada um dos elementos é feito com pinos com a forma trapezoidal. Depois de colado, o encaixe dispensa qualquer tipo de auxiliares mecânicos. O uso mais comum da cauda de andorinha é em mobiliário.
 

Rabo de andorinha alongado – Mesma união com os pinos mais alongados causando um efeito cruzado, muito usado em peças decorativas ou em mobiliário vintage. 

 

Seguiremos uma sequência lógica e muito didática, executando um encaixe por vez até a montagem final da peça.

OC.png

Neste curso de encaixes, você terá  acesso a todo processo necessário para realizar encaixes firmes e  precisos que dispensam uso de qualquer ferragem na montagem de peças e móveis de madeira – com Marcelo Aguilera e Nei Santos, da Oficina de Casa.